Artigos

Ministério da Saúde divulga novas diretrizes para o parto

 

O Ministério da Saúde anunciou novas diretrizes para  humanizar o parto normal e reduzir o número de intervenções desnecessárias. O cumprimento é obrigatório para as unidades de saúde para que a mulher tenha mais segurança na decisão de como escolheu seu parto. Além disso, o Governo irá qualificar 86 hospitais de ensino para boas práticas obstétricas.

A lista de diretrizes inclui:

  • Permitir à mulher a posição que preferir durante o parto, visando conforto
  • Presença de doulas e acompanhante
  • Dieta livre, eliminando o jejum obrigatório
  • Métodos de alívio para a dor, como massagens, banhos quentes e imersão em água
  • Direito à anestesia e à reaplicação dela
  • Contato pele-a-pele da criança com a mãe, imediatamente após o parto
  • Direito à privacidade da gestante e da família
  • Estímulo à amamentação

Há também uma lista de procedimentos a serem evitados:

  • Episiotomia (corte no períneo)
  • Uso do hormônio ocitocina para acelerar a saída do bebê
  • Cesariana
  • Aspiração do nariz e da faringe do recém-nascido
  • Técnica conhecida como “manobra de Kristeller”, quando se pressiona o útero da mulher para ajudar a expulsão da criança
  • Uso de fórceps
  • Lavagem intestinal antes do parto
  • Raspagem dos pelos pubianos
  • Rompimento da bolsa
  • Corte precoce do cordão umbilical. Os médicos deverão esperar de 1 a 5 minutos ou até cessar a pulsação

fale conosco

Entre em contato com a SOGIMIG pelos canais abaixo:

  • Telefone: (31) 3222.6599
  • sogimig@sogimig.org.br
  • Endereço: Av. João Pinheiro, 161, Sala T09, Centro, BH/MG CEP: 30130-180
Ferramentas Médicas

Ferramenta médica

Encontre aqui CID 10, Termos de Consentimento, Tabelas e Fichas.

CLIQUE AQUI

Somente para associados